Seg16092019

Back Início Pensatas Matutando Pense Nisto Reflexões Fel de Amargura

Fel de Amargura

fel-de-amarguraAlguém já dizia: “A memória do amargurado é uma digestão que não termina”. 

Deus tem cuidado de nós, e Ele se entristece quando vê seus filhos desejarem a vida de outra pessoa. A amargura gerada por um coração insatisfeito com seu casamento, filhos, emprego, profissão, enfim com a própria vida desagrada a Deus. 

“Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem.” - Hebreus 12:15 

Ao se privar da graça de Deus a amargura se instala e começa a destruir tudo que já foi belo e admirável em você. 

"Desde a planta do pé até à cabeça não há nele cousa sã, senão feridas, contusões e chagas inflamadas, umas e outras não espremidas, nem atadas, nem amolecidas com óleo." - Isaías 1:6 

O povo de Deus estava cheio de feridas abertas, chagas e contusões. Isaías adverte-os dizendo que enquanto eles continuassem sangrando, com sangue nas mãos, Deus não poderia ouvi-los. 

"...quando estendeis as mãos, escondo de vós os olhos; sim, quando multiplicais as vossas orações, não as ouço, porque as vossas mãos estão cheias de sangue" – Isaías 1:15

 Deus está falando destas feridas abertas no seu coração, que estão se esvaindo em sangue. 

Somente quem é perdoado e se sente perdoado, pode ser curado da amargura. Reconheça o inimigo como a fonte das atitudes amargas e corte-a pela raiz. Você precisa amolecer as suas feridas com o óleo do Espírito Santo, você precisa de cura! 

Se você continuar no fel da amargura, perderá a visão espiritual e quanto mais a amargura cresce, mais cresce a cegueira, aamargura cega! Não deixe que a amargura se infecte, não permita que esta ferida gangrene e a chaga dissemine o veneno por toda a sua alma. 

Se você continuar no fel da amargura, vai acabar junto à outras pessoas amargas; atirando pedras contra todos, e parecendo um pobre mártir incompreendido. Vai acabar nos agrupamentos do fel, onde os outros repartem das suas amarguras. 

Se você continuar no fel da amargura, vai viver numa revolta sem fim, sempre creditando seus desacertos à terceiros e com olhos somente para o que não lhe agrada, deixando de ver e viver as coisas aprazíveis ao seu redor. 

Se você continuar no fel da amargura, abrirá o seu próprio coração e a sua própria alma ao domínio do mal. Se tornará um porta-voz do inimigo. Sua língua se transformará na lança que fura o lado de Cristo. Você vai pendurá-lo como vergonha diante de todos os que lhe conhecem. 

Se você continuar no fel da amargura, vai continuar esgotando tudo e todos ao seu redor, e a sua amargura pode ser o fel que torna a vida de muitos um tormento e uma infelicidade. 

Se você continuar no fel da amargura, não conhecerá a felicidade, e viverá como se tivesse sempre contas a ajustar com alguém. E no caminho de sempre buscar culpados, a vida perderá o brilho, se tornando cada fez mais vazia e sem sentido, a vil depressão estará à porta. 

Você não pode continuar com esta amargura.

Você não pode continuar roxo de inveja e de ciúmes.

Você não pode continuar magoado e ferido, culpando os outros.

Você não pode continuar menosprezando a nítida mão de Deus. 

Se você foi ofendido, desrespeitado, agredido, caluniado, injustiçado, ridicularizado, desprezado, diminuído ou abandonado? E isto criou em você uma raiz de amargura? Corra para Aquele que cura todas as feridas e peça-lhe que arranque esta amargura desde a base, e viva! 

"...o espírito abatido quem o pode suportar?" - Provérbios 18:14 

“Arrepende-te, pois, dessa tua iniquidade, e ora a Deus, para que porventura te seja perdoado o pensamento do teu coração; Pois vejo que estás em fel de amargura, e em laço de iniquidade.” - Atos 8:22-23

 

Em Cristo,

marcos-teixeira

 

 

Prateleira

Este é o homem a quem olharei...

0-este-e-o-homem-a-quem-olharei

"Treme da minha palavra...", Isaías 66:1-2

Como isto te parece? O Altíssimo, busca atentamente algo nos homens, algo cujo valor transcende as iguarias dos príncipes desta terra.